sábado, 13 de outubro de 2012

o bom pastor


TEXTO BASE SL: 23: 5

INTRODUÇÃO

TEMA: O BOM PASTOR =I


Os versos 1 e 2  referem-se ao relacionamento do pastor e as ovelhas; 3 e 4 do guia e o viajante; e 5 e 6 o hospedeiro e o hóspede; embora pode-se dizer que o salmo todo trata do pastor e sua ovelha.
O salmo 23 não é uma alegoria encantadora para as crianças, ou um memorial para os mortos.
É um salmo para os vivos, com consolo para a vida e tudo que nela acontece.

Foi escrito por um pastor enquanto cuidava e observava suas ovelhas e disto fez um comparativo cristão.
Ovelhas são criaturas tímidas, frágeis e com poucos meios de autodefesa. São vítimas fáceis de predadores; são completamente indefesas. Davi pensou o que a ovelha pensava sobre ele.
Quem tem ao Senhor como pastor, tem: descanso (2); refrigério (3a); diretrizes (3b); companhia (4); consolação (4); sustento; alegria (5b); repouso (2).






I - O Senhor é o meu pastor

1° “Eu sou a porta; se alguém entrar por mim salvar-se-á (perfeita segurança), e entrará, e sairá (perfeita liberdade), e achará pastagens (perfeito sustento)”. Jo 10: 9
2° O pastor é a porta que se deita na abertura do redil. Jo 10: 7
3ª Dúvida do amor de Deus: “As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem; e dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão.” Jo 10: 27,28
4° O som do trovão faz a ovelha parar de pastar e olhar para cima e ela entra em pânico perguntando onde está o pastor? “Todas as coisas cooperavam para o bem daqueles que amam a Deus.”
5° Nada me faltará mesmo faltando tudo.

II - Deitar-me faz - Para as ovelhas o verdadeiro descanso são os pastor verdes, mas para isto precisam se livrar de quatro coisas:

Não podem estar com fome; ovelha faminta não se deita
1° Alguns que procuramos ensinar querem comer outra comida. Com o que tem se alimentado? 1 Pe 2: 2; Hb 5: 14
2° Precisam estar livres do medo – ruído, trovão ou perturbação súbitos provocam pânico no aprisco e elas correm em todas as direções; então o pastor apenas move-se silenciosamente entre elas. Sal 56: 3,4; Is 26: 3
3° Livres de atritos - há rivalidades no rebanho das ovelhas
a) Entristece ao senhor ver-nos empurrando e agredindo uns aos outros para sermos reconhecidos, ou estabelecidos em autoridade acima dos demais. Ez. 34: 20 =22
b) Jesus sendo Deus se tornou servo e lavou os pés dos discípulos.
4° Livres de pragas - se um inseto entra no nariz de uma ovelha, ela fica enlouquecida.
A mosca do nariz deposita ovos na membrana mucosa do nariz do animal, ali chocam e depois sobem pelo nariz se enterrando na cabeça do animal, produz irritação e ela sacode e bate a cabeça em qualquer coisa; pode até matar-se.
a) Tormento de pensamentos de medo, rejeição, amargura, ódio, fracasso, incompetência e pecados.
b) Satanás é a mosca do nariz dos cristãos. O alvo é a nossa mente
c) Durante a estação das moscas do nariz, o pastor prepara um óleo protetor especial que é derramado sobre a cabeça da ovelha - a estação de satanás é permanente.
d) Cura Fp 4.8
e) Quanto já há larvas é necessário uma cirurgia.

III - Guia-me mansamente à águas tranqüilas

1° As ovelhas passam meses sem beber água, apenas absorvem o orvalho da madrugada junto a grama próximo ao Hermom. Is 56: 4
2° Depois que começa o dia é difícil obter orvalho limpo e puro.
3° As ovelhas se assustam com águas turbulentas, por causa da sua lã não podem atravessar sozinhas um rio, sempre perto do pastor. Is 43.1,2
4° As ovelhas que não ficam perto do pastor ao atravessar o rio tem sempre problemas
IV - Refrigera a minha alma
1° A ovelha as vezes fica abatida, deitada de costas, sem conseguir levantar-se, seu centro de gravidade muda em virtude do peso da lã
2° Somente o pastor consegue levantar a ovelha caída. Sl 145: 14
3° Porque as ovelhas caem:
a) Procuram um lugar macio, um buraco aconchegante
b) Obesidade - engordamos com as abundâncias da vida e nos esquecemos de Deus. 2° Tim 2: 4
c) Excesso de lã, enche-se de lama, gravetos, carrapichos, carrapato e excremento. Então o pastor tem de tosquiá-la. - o EU nos emaranha
d) Ovelha prenhe. - os que carregam o fardo de outros, ministério. Is 40: 11
v - Guia-me pelas veredas da justiça
1° A ovelha obstinada procura seu próprio caminho, o pastor lhe quebra a perna e trata dela com cuidado especial
2° As ovelhas criam o hábito de pastar em um lugar só, não conseguem ver o pasto verdejante que o pastor oferece.
VI - Pelo Vale da Sombra da Morte
1ª Passagem estreita onde havia salteadores
2° É neste ponto que o salmo muda de “Ele” para “Tu” - sugere intimidade pelo sofrimento
3° Por que tomar esse caminho? Os vales tem mais abundância de água.
4° É no vale que adquirimos experiências.

VII - A Tua vara e o Teu cajado

1° A vara: afasta predadores - a autoridade da palavra de Deus
2º O cajado: apanha a ovelha em perigo onde o pastor não pode chegar. - consolo: com ela o pastor toca as ovelhas e faz sentir seu carinho. O Espírito Santo. Jo 14: 16

VIII - Preparas uma mesa perante mim na presença dos meu inimigos

1° O pastor vai a frente arrancando ervas venenosas e verificando onde há pastos verdejantes - Deus suprindo nossas necessidades diante de nossos inimigos.

IX - Bondade e misericórdia me seguirão

1° Somos tão especiais que se olharmos para trás só veremos isto
2° Somos tão valiosos ao pastor que se perdesse você das 99, deixá-las-ia e iria a sua procura.

A ser viço do rei Pr. João Nunes Machado

Nenhum comentário:

Postar um comentário