quarta-feira, 28 de novembro de 2012

cada dia com jesus


Todo Dia Com Jesus

Texto base 1º  Timóteo 1: 12 = 20

Se alguém podia comparar a servidão da lei com o Evangelho da graça, por certo este era o fariseu Saulo de Tarso, que chegou a ser o apóstolo Paulo.
A sua fidelidade à lei de maneira alguma o impediu de ser o principal dos pecadores.
Não havia ele perseguido ao Senhor Jesus quando tão duramente perseguia àqueles que Lhe pertenciam?
Sem falsa humildade, ele se declara o pior de todos os pecadores enumerados nos vv. 9-10. Mas foram precisamente os culpados, e não os justos, que Jesus Cristo veio salvar (Mateus 9:13).



Desde que o principal dos pecadores tinha sido salvo, ninguém pode considerar-sedemasiado pecador para não se beneficiar da graça.
"Obtive misericórdia", exclama o apóstolo duas vezes (vv. 13 e 16). Ele mede a grandeza dessa misericórdia com a magnitude de sua própria miserável condição e espontaneamente se eleva à adoração (v. 17).
Se com freqüência gozamos tão pouco da graça, talvez seja porque a nossa convicção de pecado não tem sido suficientemente profunda.
"Aquele a quem pouco se perdoa" - ou pelo menos quem assim pensa -, "pouco ama" (Lucas 7: 47).
E você amigo, que ainda permanece indiferente, a paciência do Senhor tem sido manifestada a você também, até agora.
Não O faça esperar mais tempo. Talvez amanhã seja muito tarde.

A ser viço do rei Pr. João Nunes Machado

Nenhum comentário:

Postar um comentário