segunda-feira, 26 de novembro de 2012

suprimento famíliares


TEXTO BASICO GN 42: 2,25

INTRODUÇÃO

TEMA: SUPRIR NECESSIDADES FAMILIARES=XIII

a) Gen 42: 2, 25 - irmãos de José, com dinheiro para comprar mantimentos, “para que vivamos e não morramos.”.

b) Rute 2: 17,18 - Rute - trabalho para ter o que era necessário para sustentar ela e Noemi.
c) II Reis 4:1-7 - viúva com botija de azeite - “Vai, vende o azeite, e paga a tua dívida;”.
d) Prov. 31:13,14,19,24,31, "Faz panos . vende-os."; Mulher trabalha em casa (v.13,15)
e) I Tim 5:4, "recompensar seus pais" porque é agradável a Deus.
f) I Tim 5: 8, "Cuidando da sua família" quem não cuida dos seus, os de sua família, é como ter negado a fé, e é pior que um incrédulo”.



1° Gen 14: 20, "DÍZIMO"
a) O dízimo nada mais e nada menos era dado em louvor a Deus pelas bênçãos recebidas. Antes da lei existiu o dízimo e era para louvar e bendizer o Senhor Deus.
b)....e Abraão deu-lhe o dízimo de tudo (à Melquisedeque Rei de Salém) Hebr. 7= 2
c) Dar o dízimo é mostrar o senhorio de Deus sobre tudo o que temos.
É de reconhecer o fato de que os bens que temos, vieram dEle (Heb 7:1 =9).
d) Dizimar é colocar Deus em primeiro lugar. (Prov. 3: 9).
“Honra ao Senhor com os teus bens e com as primícias de toda a tua renda”
e) Dar o dízimo não é para ser uma ação forçada, mas espontânea em amor e louvor a Ele pelas bênçãos de poder trabalhar ou ganhar, lucrar e aumentar a nossa fazenda.
 f) Quando os dízimos não são entregues Deus já interpreta a falta dessa ação como uma amostra do estado de um coração egoístico (Mal 3: 8 =10).

g) Realmente podemos ver a sabedoria do fato, “Porque onde estiver o vosso tesouro, aí está também o vosso coração” (Mat. 6: 21). “Mas o jovem, ouvindo essa palavra, retirou-se triste; porque possuía muitos bens”.
(Formas de entregar o dízimo – Pessoa Física e Pessoa Jurídica)

Adabitado por Pr. João Nunes Machado

Nenhum comentário:

Postar um comentário