sábado, 30 de março de 2013

deus deseja usar voce = parte= 1


TEXTO BASE JOÃO 17: 4 / 1° CO 13: 1

INTRODUÇÃO 

TEMA: DEUS DESEJA USAR VOCÊ= PARTE = I

Esta semana o Domingo de Ramos nos dá a oportunidade de olhar para a vida de Jesus Cristo, para a maneira como Ele viveu a Sua vida.
Termos estado falando por algumas semanas juntos acerca do que significa viver uma vida útil, uma vida significativa. Você não pode encontrar um exemplo melhor de uma vida útil do que em Jesus cristo.
De fato, no final de sua vida Ele disse em João 17: 4, e na noite anterior à  Sua morte ele foi capaz de fazer esta oração a Deus:
"Eu revelei no mundo a tua natureza gloriosa, terminando assim o trabalho que me deste para fazer." João 17: 4 (NTLH)
Isto me impressiona! Ele terminou o trabalho que veio realizar! Eu não posso nem dizer isso no final de um dia, que dirá no final de minha vida! De qualquer maneira, ele foi capaz de dizer:
"Eu terminei o trabalho. Eu olhei para tudo o que querias que Eu fizesse, Deus, e Eu terminei."
Quando olho para isto penso:
O que é que posso aprender com Jesus acerca de como viver uma vida útil, uma vida significativa? Muitas coisas!
Posso aprender como Jesus usou o Seu tempo, como Jesus lidava com as coisas em sua vida.
Mas mais do que qualquer outra coisa,  o que desejamos focalizar hoje é como podemos aprender a viver uma vida útil olhando para a maneira como Jesus lidava com os seus relacionamentos.
Ele era um especialista em tudo!  Mas quando se trata de relacionamentos, Ele nos mostra como lidar com relacionamentos. Isto é importante porque se Deus irá nos usar, se vamos causar um impacto no mundo.
O lugar principal será em nossos relacionamentos.
Nós olhamos para Jesus: É aqui que Ele gastou a maior parte de sua vida, foi aqui onde Ele causou o maior impacto -- em Seus relacionamentos com as pessoas.



1° Coríntios 13: 1 (NTLH) "Eu poderia falar todas as línguas que são faladas na terra e até no céu, mas, se não tivesse amor, as minhas palavras seriam como o som de um gongo ou como o barulho de um sino."  
É apenas barulho. Se eu não tiver amor, tudo o que eu  venha a fazer é apenas estardalhaço.
Se eu tenho perdido isso quando se trata de relacionamentos, já era, perdi mesmo! Não há melhor professor do que Jesus Cristo quando se trata de relacionamentos.
Três princípios simples que Ele nos mostra através de Sua vida no que diz respeito a relacionamentos.
Estas são as coisas que você já sabe, mas que precisa ser lembrado de vez em quando.
Minha família ama quando eu prego uma mensagem sobre relacionamentos, porque eu sou tão bonzinho durante a semana na medida em que estou me preparando para pregar a mensagem... É impressionante como apenas um pouquinho de foco nestes princípios que Deus no dá, modifica a maneira como fazemos as coisas.
I° A vida de Jesus nos ensina a:
1° Pagar o preço para valorizar os outros.
2° Procurar a força para amar os outros.
3ª Perceber a maneira como tratamos os outros.

1° PAGUE O PREÇO PARA VALORIZAR OS OUTROS.
Uma vez, Jesus teve um professor da lei que veio a Ele e fez uma pergunta muito importante.
Marcos 12 revela esta pergunta. "Um dos mestres da lei aproximou-se e os ouviu discutindo.
Notando que Jesus lhes dera uma boa resposta, perguntou-lhe: 'De todos os mandamentos, qual é o mais importante?' " Circule a palavra "mais".
Esta é uma pergunta que denota valor. Qual é maior valor para os mandamentos?
"Respondeu Jesus: 'O mais importante é este: Ouve ó Israel, o Senhor, o nosso Deus, o Senhor é p único Senhor.
Ame o Senhor o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma, de todo o seu entendimento, e de todas as tuas forças.
O segundo é este: Ame o seu próximo como a si mesmo. “Não existe mandamento maior do que estes."   Mc. 12: 28=31 (NVI) Alguém veio a Jesus e fez esta pergunta de valor: "Qual é a coisa mais importante que podemos fazer?  Qual é a direção mais importante que deus tem nos dado?"
E Jesus respondeu imediatamente: "Ame a deus e ame aos outros." Pague o preço para valorizar os outros.
Pague o preço. Uma coisa é saber que as pessoas têm valor.
Outra coisa é pagar o preço. Pagar o preço de nosso tempo, nossa energia, nossos recursos, nosso planejamento.

Todos convivemos com um Vazio de Frustração. É o vazio entre o que eu desejo ser -- o que eu digo que são os meus valores 00 e o que eu realmente faço.
Nós dizemos, "Eu quero gastar tempo com os meus filhos."
E então os finais de semana passam e não arrumamos o tempo que nós queremos.
Nós dizemos: "Meu marido / minha esposa são as pessoas mais importantes em minha vida." Mas não podemos achar tempo até mesmo para sairmos juntos numa das noites.
E isto é o vazio de frustração. Se você está experimentando isso, você não está sozinho.
Jesus nos ensina algumas coisas sobre como lidar com este vazio de frustração em nosso relacionamento com Deus e em nossos relacionamentos com outros.
Na medida em que Jesus disse que isto era a coisa mais importante, vamos gastar alguns minutos nisto nesta manhã. Como é que eu supero o vazio de frustração no amor aos outros e no amor a Deus?
Jesus disse: "Se você deseja aprender a valorizar a deus mais -- valorizar o seu relacionamento com Ele -- aqui está como você faz isso.
  E Ele nos dá uma lista. Você ama a Deus com todo o seu coração.
Você ama a Ele com toda a sua mente, com toda a sua alma, e com todas as suas forças.
Qual é a coisa mais importante que você e eu podemos fazer com as nossas vidas amanhã, esta semana que se inicia? Jesus disse:

A coisa mais importante que voic6e ou eu podemos fazer com nossas vidas é amar a Deus.
E Ele disse para fazer isso com 100% de nós mesmos.
Aqueles de vocês que são bons em matemática provavelmente já começaram a pensar sobre isso.
Eu tenho mais pessoas do que Deus para amar em minha vida. Preciso amar a minha família, alguns amigos... Tenho muitas pessoas para amar.
E se você começa a compreender isso em termos de percentagem, você começa apensar que esta deve ser a maneira como você deve fazer isto:
Eu deveria amar ao meu cônjuge 20%, meus filhos 20%, 5% para este amigo, 10% para os meus pais -- e continua a fazer uma distribuição como essa.
E no fim, talvez Deus ( já que Ele é o Maior) recebe uns 40%.
Ele recebe uma fatia maior do meu amor do que qualquer outra pessoa.
Por que Jesus diz "Ame a Deus com o seu tudo?"
Porque Deus não é um "ralo" que suga todo o nosso amor.
Ele é a fonte de amor. Quando eu amo a Deus com 100%.
Eu recebo 100% do seu amor de volta.
Quando eu tento dividi-lo e Deus recebe apenas 20%, então eu recebo 20% de poder para amar os outros.
Mas quando eu decido amá-lo com o meu 100% - com todo o meu ser -- a coisa incrível que acontece é, Ele me ama com o Seu todo.

Ele me concede recursos para amar a todo mundo que eu preciso amar em minha vida.
Portanto, Jesus diz: Aqui está como valorizar o seu relacionamento com Deus.
Dedique 100%. Ame-o com todo o seu ser. E então observe para ver o que vai acontecer.
"Amar a Deus de todo o coração" -- Isto é sentindo, com as, suas emoções.
Jesus diz: "Ame-O com tudo o que você sente."
"Amar a Deus com todo o seu entendimento." -- Isto é,  pensando. Jesus diz: "Ame a Deus com os seus pensamentos."

"Amar a Deus com toda a sua alma." -- Isto é, sendo. Este é quem você é por dentro, personalidade. Ame a Deus com toda a sua personalidade.
"Amar a Deus com todas as suas forças." -- Isto é, fazendo. Ame a Deus com as coisas que você faz.
Qual deles é o mais importante? Todos são.
Jesus disse para amara Deus com todos eles. Algumas vezes a minha mente conduz o meu coração.
Algumas vezes o meu coração conduz a minha mente.
Esta é a razão pela qual eu preciso amar a Deus com todos os quatro.
Um dos alvos de minha vida é amar a Deus cada vez melhor nestas maneiras.
Um das coisas que eu faço a cada ano é apanhar uma dessas áreas e dizer: "este ano vou trabalho nesta área em minha vida." Ano passado eu trabalhei na área de amar a deus com todo o meu coração.
Eu espero que tenha feito um pouquinho de progresso.
Este ano eu estou trabalhando em amar a Deus com toda a minha alma -- tomando a pessoa especial que Deus me fez para ser e tentar amá-lo com quem eu sou.
Você gostaria de amar a deus mais? A boa notícia é que você pode.
Todos nós temos a capacidade de amar a deus de uma maneira incrível.
É isto quer significa ser criado à imagem de Deus. Isto significa ser criado com a capacidade de amar a Deus.

Cada pessoa tem a habilidade de amar a Deus com a capacidade, a singularidade, que ninguém mais em toda a criação de deus pode.
Quando você ama a Deus com todo o seu ser, você está amando-O como ninguém mais pode amá-lo. Você ama a Deus de maneira singular.
Você O ama com a personalidade que recebeu. Isto é parte de uma vida útil e significativa.
Algumas idéias práticas de como fazer isso.
Como é que eu amo a Deus com todo o meu coração, com toda a minha alma e com todas as minhas forças?

1° Diga a Deus acerca dos seus sentimentos. Converse com Ele acerca dos seus sentimentos.
Diga a Ele o que realmente está em seu coração.
Algumas vezes quando oramos, conversamos com Deus mais ou menos assim:
Você se lembra do computador Hal no filme 2001, uma odisséia no espaço?
Dave está desmontando completamente o cérebro do computador e o computador está conversando com Dave dizendo: "Dave, o que é que você está fazendo, Dave?" Não há nenhuma emoção.
Apenas uma voz de computador. Algumas vezes você e eu sentimos como se Deus estivesse desmontando nossas vidas.

Nós vamos conversar com Ele em oração e dizemos: "Deus, o que você está fazendo, Deus?
Deus, eu tenho um santa indignação para contigo agora, Deus."
Por que você não diz apenas o que está sentindo?
 "Deus, eu estou aborrecido com o que está acontecendo agora.
“Eu não posso crer no que estás permitindo que eu atravesse." E depois ouça o que Ele tem a dizer.
O rei Davi era bom nisso. Se você não pensa que é OK dizer a Deus como você está se sentindo, leia o livro dos Salmos. Ele dizia a Deus que estava aborrecido todo o tempo.
Mas no final dos Salmo o seu coração estava sempre melhor.
Por que? Porque ele conversava com Deus acerca dos seus sentimentos.
A idéia de que para ser espiritual, você tem que despir-se de todos os seus sentimentos é misticismo Oriental. Isto não é como Jesus nos ensinou a viver,
2° Converse com Deus acerca de Sua grandeza.
Esta é uma maneira de amar a Deus de todo o coração, com toda a mente, com toda a alma e com todas as forças. Todos tendemos a exagerar nossos problemas e minimizar a grandeza de Deus.
Exagerar nossos problemas é alguma coisa que chamamos de preocupação.
Preocupação é exagerar nossos problemas.
Quando fazemos isso, também minimizamos a grandeza de Deus, Sua habilidade de lidar com nossos problemas. Precisamos, ao invés disso, exagerar a grandeza de Deus, a Sua habilidade de lidar com os nossos problemas.

Quando exageramos a grandeza de Deus, isto é que chamamos de louvor.
Eu desafio você a exagerar a grandeza de Deus, pois nossos problemas estão tão próximos de nós que às vezes temos que tentar exagerar o tanto quanto podemos a grandeza de Deus, dizermos o quão grande Deus Ele é.
Pastor quando era criança tinha um problema de exagerar as coisas.
Quando ele ia para a escola, algumas vezes ele chegava atrasado e ficava exagerando no motivo pelo qual chegava atrasado.
Uma vez ele disse à professora:
"Eu estava atrasado porque eu fui ao lago e pesquei uma truta de 10 quilos e isso levou-me meia hora para tirar esse peixe da água.

Esta é a razão pela qual cheguei atrasado na escola hoje."
A professora decidiu ensinar a ele uma lição acerca de exagero.
Ela disse: "Eu estava no mesmo lago semana passada e pesquei uma truta de 25 quilos.
Precisei de uma hora e meia para tirar a truta da água.
E quando eu tirei a truta da água, um urso saiu das árvores e tirou a truta de minhas mãos.
Eu por pouco escapei salvando a minha vida.
E o urso comeu o meu peixe.
“Na medida em que o urso estava voltando para a floresta, um cachorro chihuahua saiu da casa do vizinho, correu, atacou o urso e comeu o urso inteiro."
O Pastor olhou para a professora com os olhos arregalados e disse: "professora, este era o meu cachorro!"
Não estou sugerindo que você minta, mas estou sugerindo que você apanhe um pouco do espírito desse garoto em exagerar a grandeza de Deus.

Uma vez que você jamais poderá exagerar o quão grande deus é, qualquer coisa que você diga, Ele já será maior do que isso. Ele fez o universo.
E quando você e eu  tentamos exagerar a Sua grandeza em nossos corações e louvá-lo desta maneira, nos descobrimos amando-O cada vez mais. Ame a Deus com todo o seu coração.
Jesus também ensinou em como valorizar o nosso relacionamento com os outros.
Ele disse isso de maneira bem simples. "O segundo mandamento é este.
“Ame ao seu próximo como a si mesmo." Isto é tão simples.
Todos somos muito interessados em nós mesmos.
Ontem à noite o coro das crianças estava cantando.
Quando estavam cantando, cada um deles estava olhando para a tela para verem a si mesmos enquanto cantavam, como nós fazemos quando entramos numa loja de departamentos e nos vemos nos espelhos.
Todos fazemos isso.
Todos estamos interessados em nossas próprias vidas.
Jesus diz: Aquele interesse que você tem em si mesmo, tenha o mesmo interesse em outras pessoas.
Deus as fez da mesma maneira que Ele fez você.
Deus tem um plano para as suas vidas tão grande quanto Ele tem um plano para a sua vida.
Ame aos outros como você ama a si mesmo.

Ame ao seu próximo, Há muitas coisas por trás daquilo que um próximo é.
É alguém que está necessitado, é alguém com quem estabelecemos um contato.
De uma maneira realmente prática: Todos temos próximos. Ame-os.
Às vezes é muito mais fácil amar alguém que mora longe do que o nosso vizinho ao lado.
Uma idéia prática de como você pode amar ao seu próximo:
Convide-o para vir à igreja e participar do culto da Páscoa.
Provavelmente muitos de vocês tem um vizinho que você deseja convidar.
Esta é a maior oportunidade que você terá. Convide-os para vir.
Alissa, nossa filha de oito anos, foi à rua, esta semana e convidou nossa vizinha que nunca havia vindo à igreja antes. Ela veio ao culto hoje porque uma criança de oito anos foi e a convidou para vir a igreja.
Você não sabe a diferença que você poderia fazer na vida de alguém.
Ame o seu próximo compartilhando com ele as boas novas da ressurreição esta semana que vem. Ame ao seu próximo como a si mesmo.

Se teremos relacionamentos que funcionam, teremos que pagar o preço para valorizar os outros.
Temos que fazer isso como diz Filipenses 2: 3 "Não façam nada por interesse pessoal ou por desejos tolos de receber elogios, mas sejam humildes e considerem os outros superiores a vocês mesmos."  Fp. 2: 3 (NTLH)

A ser viço do rei Pr. João Nunes Machado

Nenhum comentário:

Postar um comentário