quarta-feira, 29 de maio de 2013

precípitação

TEXTO BASE PV 19: 2

INTRODUÇÃO

TEMA: PRECIPITAÇÃO

"Não é bom proceder sem refletir, e peca quem é precipitado".

Ser precipitado é agir ou falar sem pensar nas conseqüências daquilo que faz, sem buscar a Deus, é a causa do sofrimento de muitas pessoas.

I° A palavra precipitação vem de precipício: abismo, perdição, ruína.

II° Louco - A Bíblia diz quem age precipitadamente é louco: 

"O longânimo é grande em entendimento, mas o de ânimo precipitado exalta a loucura" Pv 14: 29.

III° "A precipitação é a mãe do fracasso" (Heródoto - historiador grego).



IV° Precipitação nas palavras:

"Tens visto um homem precipitado nas suas palavras”?
“Maior esperança há para o insensato do que para ele” (Pv 29: 20).
De acordo com o dicionário, insensato é: Falto de senso ou razão, demente, louco:
A Bíblia diz que há mais esperança para o louco do que para o que fala precipitadamente.

"A boca do insensato é a sua própria destruição, e os seus lábios, um laço para a sua alma" (Pv 18: 7).
Medite em Pv 18: 21 e Pv 6: 2.

V° Algumas decisões precipitadas:
1° Avalizar alguém em um negócio, emprestar cheques, nome para fazer compras, afiançar um aluguel.
2° Viagem de carro - ultrapassagem fora de local permitido, velocidade acima do permitido. Conseqüências: dor, morte, cadeira de rodas, prejuízos.
3° Construir em lote alheio: Pais, sogros, parentes.
4° Pedir demissão do emprego, por pressão. Sair fora do tempo de Deus.
5° Sair da igreja onde Deus o colocou - Hb 10: 25...
6° Deixar a liderança que Deus o colocou – 2° Pe 1: 10,11.
7°  Mudar de cidade por decisão humana, sem a direção de Deus.

VI° As conseqüências de um ato precipitado:
1° Sara, Abraão e Agar: (Gn 16: 1= 6). Resultado: Ismael pai dos árabes e Isaque pai dos judeus, é um conflito que se estende por gerações.
2° Esaú e uma escolha precipitada: (Gn 25: 27=34). Esaú vendeu o direito de primogenitura.
3° José e as conseqüências de palavras precipitadas: (Gn 37: 5= 11). Falou irrefletidamente e suscitou invejas.

VII° A precipitação nos torna escravos: "Aquele que é vencido fica escravo do vencedor" (2° Pe 2: 19).

1° Decisão de fazer mal a alguém: conseqüências: justiça, condenação, prisão, destruição da vida e da família.
2° Casamento precipitado sem ouvir os pais, pastor, o líder: Choro e angústia.
3° Incluir alguém em uma liderança ou cargo de confiança sem primeiro prová-lo: Perdas irreparáveis para ambas as partes.
4° Dar crédito a uma palavra profética sem antes prová-la: Tendência em ouvir o que a alma quer.
5ª Tomar uma decisão sem antes ouvir conselhos (Pv 15: 22).
Comunicar uma decisão é diferente de buscar um conselho.

Conclusão: Aquietai-vos:
Quando passamos por dificuldades, ficamos tentados a agir de maneira precipitada.
Mas qual é a ordem do Senhor para estas ocasiões? Aquietar, parar, esperar.
1° "Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus; sou exaltado entre as nações, sou exaltado na terra" (Sl 46.10).
2°"Espera pelo Senhor, tem bom ânimo, e fortifique-se o teu coração; espera, pois, pelo Senhor" (Sl 27.14).
-3°"Sabeis estas coisas, meus amados irmãos. Todo homem, pois, seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar. Porque a ira do homem não produz a justiça de Deus" (Tg 1: 19=20).
A ser=viço do rei Pr. João Nunes Machado

Nenhum comentário:

Postar um comentário