domingo, 13 de abril de 2014

os sete benefícios que Deus nos concede no deserto

TEXTO BASE Sl 23: 5 - 6

INTRODUÇÃO

TEMA: Os sete benefícios que Deus nos concede no deserto

5.Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos; unge com óleo a minha cabeça, o meu cálice transborda.

6.Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida, e habitarei na casa do Senhor por longos dias.

O termo “mesa” no texto significa “algo estendido”. É estender um tapete e comer juntos, é como um “piquenique”.

Na cultura dos judeus, um convite para comer junto era um convite para se fazer ou renovar uma aliança. Quando Jesus disse a Zaqueu:

“Hoje me convém pousar na sua casa”, Jesus estava lhe convidando para renovar a aliança.
Davi estava dizendo para Deus: “estende um tapete perante mim, vamos cear juntos, vamos fazer uma aliança, vamos renovar a aliança na presença dos meus inimigos!”

Quando o povo de Deus caminhava no deserto em direção a Canaã, perguntaram várias vezes se seria possível Deus fazer uma mesa no meio do deserto. Por diversas vezes Deus preparou não apenas uma mesa, mas um banquete para eles em meio ao deserto.

O que é um deserto? É um lugar onde não tem nada nem ninguém. Quando nos sentimos sozinhos, pensamos que estamos em meio a um deserto.
Você já se sentiu sozinho como se estive num deserto? Já passou por desertos?

Saiba que o deserto não é lugar de morar, mas pode ser um lugar de passagem temporária. Seu lugar não é no deserto. Você passa por ele e adiante vem a vitória.

I. DEUS PREPARA UMA MESA NO DESERTO



1. O texto de promessa (Sl 78.19): E falaram contra Deus, e disseram: Acaso pode Deus preparar-nos uma mesa no deserto?

2. As limitações do Deserto: No deserto a água era escassa, mas Deus fazia sair água da rocha. No deserto não havia vegetação, nem plantio de trigo, a fim de fazer pão, por isso
Deus mandava do céu como que fosse geada. Não tinha aviários para a criação de codornizes, mas Deus enviava com o vento do oriente as codornizes.

A Bíblia faz referências ao deserto como lugar de provações e com o objetivo de ensinar e aprimorar.
O povo de Israel para chegar à Terra Prometida teve que passar pelo deserto, Elias foi para o deserto e lá teve o sustento de Deus, o próprio Jesus antes de iniciar publicamente seu Ministério passou pelo deserto.

Moisés, o filho da filha de Faraó, homem de destacável conhecimento, para conhecer o valor de servir a Deus e seu povo, passou primeiro pelo deserto, ( Êx 13.18) " "E apascentava Moisés o rebanho de Jetro, seu sogro, e levou o rebanho atrás do deserto, e chegou ao Monte de Deus, aHorebe."

Chegar ao Monte de Deus, esse é um dos objetivos do cristão no deserto.
Todo o cristão é levado pela permissão de Deus a circunstâncias que ensinam alguma coisa, embora custe um preço: a obediência. Quantas vezes nos deparamos em desertos e vales na nossa peregrinação nessa Terra, e erroneamente nos perguntamos: "Por que Senhor?", quando deveríamos perguntar: "Para que Senhor?".

No deserto nos sentimos sós, e é a partir daí que se tem as maiores experiências com Deus, como ocorreu com Moisés.
Mesmo que no deserto o grito pareça não ser ouvido, o clamor não atendido, o céu parecer de bronze, as lágrimas secarem-se ao calor do sol escaldante e a trajetória pareçanão ter fim, no entanto há um Deus Verdadeiro que nos contempla nesta trajetória, nos aprimora conforme a Sua Vontade e nos serve uma mesa no deserto, ainda que isso pareça impossível.

O salmista Davi em várias circunstâncias faz referência aos desertos da vida, no Sl. 13 no momento de sua tristeza desabafa no v.1 "Até quando Senhor?

Esquecer-te-ás de mim para sempre?

Até quando ocultarás de mim o teu rosto?", o desânimo tenta invadir a alma, então ele clama: "ilumina meus olhos para que eu não durma o sono da morte" (v.3b), então o Espírito do Senhor o inspira a reerguer-se e ele diz no v.5 "quanto a mim, confio na tua graça, regozije o meu coração na tua salvação, Cantarei ao Senhor porquanto me tem feito muito bem".

Confia na graça e na misericórdia do Senhor e então verás que Ele pode.
O deserto faz parte da terra, então podemos ter certeza que Deus tem o domínio sobre todas as situações.
No Salmo 29 versículo 8 diz: "A voz do Senhor, faz tremer o deserto!".

Por mais que pareça não existir nenhuma sombra de esperança, Deus pode mudar o quadro e Ele sabe perfeitamente o que se passa porque todo poder está em Suas mãos: "Pois o Senhor teu Deus te abençoou em toda a obra das tuas mãos, Ele sabe que andas por este grande deserto." (Dt.2.7). Deus nos guia e faz-nos chegar ao lugar determinado por Ele.

Sua Palavra diz em Deuteronômio 1.31 "Como também no deserto, onde vistes que o Senhor vosso Deus nele vos levou, como um homem leva o filho, por todo o caminho que andastes, até chegardes a este lugar".
O Senhor guiou seu povo até chegar ao local prometido, e que preço o povo pagou.

O interessante é que quem determinou o tempo de peregrinação no deserto foram as próprias atitudes do povo diante das situações: "e toda a congregação murmurou contra Moisés e contra Arão no deserto".
(Ex. 16. 2). Quanto mais nos submetermos e obedecermosa voz do Nosso Mestre mais abreviado será o tempo. Por isso é necessário o preparo, precisamos estar armados com as armaduras celestiais, e assim obteremos o equilíbrio e a graça necessários para vencermos todas as adversidades que surgem no extenso deserto da experiência.

Êxodo 13.18 "Mas Deus fez o povo rodear pelo caminho do deserto do Mar Vermelho e armados os filhos de Israel subiram da Terra do Egito". A dúvida é algo que surge de imediato nos momentos de dissabor.

 "E falaram contra Deus, acaso pode Deus preparar-nos uma mesa no deserto?" (Sl. 78.19).

A pergunta é: Será que Deus não está vendo?, "Acaso pode Deus?", "Será?".
Podemos ter certeza de que: "Ele converte os rios em deserto, e as fontes em terra sedenta. (Sl.107 v.35) Converte o deserto em lagoa, e a terra seca em fontes". (Sl. 107.  33,35).

Deus é o nosso ajudador "socorro bem presente nas tribulações" Sl. 46.1b, observe que não é só presente, é "bem presente", basta nós confiarmos e "lançarmos sobre Ele toda a nossa ansiedade porque Ele tem cuidado de nós" (I Pe. 5. 7).

Não devemos permitir que o calor do deserto venha nos impedir de olharmos para a nossa Viva Esperança que está na pessoa de Jesus Cristo, Aquele que é o Senhor das nossas vidas.
"Porque o Senhor consolará a Sião””.

“Consolará todos os seus lugares assolados, e fará o seu deserto como o Éden, e a sua solidão como jardim do Senhor, gozo e alegria se achará nela, ação de graças, e voz de melodia”. (Is. 51.3)

3. Nessa mesa do deserto continha Água: (Sl 78.15, 16) Fendeu as penhas no deserto; e deu-lhes de beber como de grandes abismos.
Fez sair fontes da rocha, e fez correr as águas como rios.
A mesa que Deus prepara para nós hoje é espiritual e contém a Palavra de Deus com água pura, limpa, que mata toda a sede.

4. Nesta mesa do deserto continha Maná: (Sl 78. 24,25) E chovera sobre eles o maná para comerem, e lhes dera do trigo do céu.

O homem comeu o pão dos anjos; ele lhes mandou comida a fartar.
5. Nesta mesa do deserto continha Carne: (Sl 78. 26-29) Fez soprar o vento do oriente nos céus, e o trouxe do sul com a sua força.

E choveu sobre eles carne como pó, e aves de asas como a areia do mar.
E as fez cair no meio do seu arraial, ao redor de suas habitações.

Então comeram e se fartaram bem; pois lhes cumpriu o seu desejo.

II. DEUS PREPARA MESA NA PRESENÇA DOS MEUS INIMIGOS
1. O Texto de promessa Salmo 23:5: Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.

2. A mesa: Algo tremendo o que Deus esta prometendo aqui preparar, principalmente por causa de quem assistirá essa demonstração de amor, os meus inimigos.

3. O garçom: O próprio Deus se veste de garçom e te serve, ninguém entende esse tipo de amor demonstrado por Deus.

(Lc 12.37) Bem-aventurados aqueles servos, os quais, quando o Senhor vier, achar vigiando! Em verdade vos digo que se cingirá, e os fará assentar à mesa e, chegando-se, os servirá.

4. A comida: Deus coloca sobre essa mesa toda sorte de benção espiritual e física também. Não é um pratinho, uma sobeja, são pratos suculentos, deliciosos.

(Ef 1.3) Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo.
5. Os Inimigos: Os inimigos são demoníacos e humanos. Os demoníacos são mais que os humanos.

Nossos inimigos podem ser pessoas não convertidas e crentes meio convertidos.

Dependendo do teu circulo de atuação será a quantidade de teus inimigos. Mas neste banquete eles estão de longe, já nada podem fazer para te atrapalhar, atacar ou assustar.

6. A conversa: Durante o banque você ouvirá da boca do próprio Deus dizendo algumas verdades: (Sl 21.11) Pois intentaram o mal contra ti; maquinaram um ardil, mas não prevalecerão. (Sl 132.18)

Vestirei de confusão os seus inimigos; mas sobre ele resplandecerá a sua coroa.
(Sl 27.6) E agora será exaltada a minha cabeça acima dos meus inimigos que estão ao redor de mim; e no seutabernáculo oferecerei sacrifícios de júbilo; cantarei, sim, cantarei louvores ao Senhor.

7. O clima da festa: Deus preparou até o clima da festa. O banque foi feito para você gozar, se alegrar, desfrutar e como diz Eclesiastes 10.19 Para rir é que se dá banquete, e o vinho alegra a vida; e por tudo o dinheiro responde.

8. O participante: O único participante deste mesa é você. Chegou o tempo que Deus quer demonstrar esse amor, preparando para ti esse banquete ou essa mesa no deserto e ainda fazer maravilhosa sua bondade na cidade sitiada.

Servimos ao Deus todo poderoso que mesmo nos desertos da vida, é capaz de nos preparar uma mesa.

III. A MESA DO SENHOR
A bíblia diz que Deus tem uma mesa para os seus filhos Deus tem prazer em oferecer o que ele tem para que possamos ser supridos

Nesta mesa estão todas as coisas que precisamos para uma vida de vitória

A aliança que temos com Deus nos dá o direito de nos assentarmos à mesa
Vem e beba, tome e coma pela fé

Vamos olhar para a palavra e entender alguns aspectos da mesa do Senhor :

1 PODE SE PREPARADA EM QUALQUER LUGAR

2 A MESA DO SENHOR É UM LUGAR DE RECONCILIAÇÃO

(Gn 26) Isaque e o rei Abimeleque

Gn 44. 9(Jacó e Labão ) “Agora pois vem e façamos um pacto , eu e tu e sirva ele de testemunha entre mim e ti.

Então tomou Jacó uma pedra e a erigiu como coluna. E disse a seus irmãos: Ajuntai pedras. Tomaram , pois , pedras e fizeram um montão , e ali comeram .

3 É UM LUGAR DE RESTAURAÇÃO ( 2 Sm 9:1-10)

Davi lembrou-se de sua aliança com Jonatas filho de Saul e perguntou: há ainda alguém da casa de Saul para que eu possa usar de misericórdia por amor de Jonatas?

Mefibosete nascera para ser um príncipe, mas o seu nome significava vergonha

Ele era aleijado de ambos os pés. Sua babá o derrubou enquanto fugia dos inimigos e provavelmente ele quebrou os pés e os ossos cicatrizaram de forma torta.

A história de Mefibosete representa a nossa história diante de Deus.

Nascemos para ser reis, mas podemos viver uma vida miserável com os pés quebrados
- Alguém que tem os pés quebrados não consegue andar ereto olhando para o céu ,se cansa rapidamente e não consegue chegar onde os outros chegam .

É impossível para nós mesmos consertarmos os nossos próprios pés aleijados, ficamos frustrados e nossa vida fica sem alegria.

Mefibosete foi viver em Lo-debar (um lugar árido e seco)

Nada mais do que um cão morto!

Foi chamado para assentar-se na mesa do rei , recebeu honra , pode desfrutar de comunhão íntima, na mesa tinha os pés encobertos, mudou-se de Lo-debar para Jerusalém. Restauração completa !

IV. A MÊSA DO SENHOR É UM LUGAR DE ABUNDÂNCIA ( Lc 14 : 15-17 )

1ª Vinde porque tudo já está preparado

2ª O que você precisa hoje? Na mesa do Senhor você vai encontrar

3ª Paz, Perdão, Alegria, Solução, Um novo rumo, Cura, Vida Abundante?

V. A MESA DO SENHOR É UM LUGAR ONDE A FAMÍLIA SE REUNE

- Ef 2:19 “Assim já não sois mais estrangeiros ,nem forasteiros , antes sois concidadãos dos santos e membros da família de Deus .

6 A MESA DO SENHOR É UM LUGAR DE ALIANÇA

( Mt 26. 26-28) “Enquanto comiam , Jesus tomou o pão e, abençoando-o o partiu e deu aos discípulos dizendo : Tomai , comei ; isto é o meu corpo .

E tomando um cálice, rendeu graças e deu-lho, dizendo: bebei dele todos; pois isto é o meu sangue, o sangue do pacto, o qual é derramado por muitos para a remissão dos pecados.

VI .REQUISITOS PARA PARTICIPAR DA MESA

1ª Ter aliança com o Senhor e com a igreja

2ª Discernir o corpo de Cristo ( a importância )

3º Estar vestido adequadamente ( trajes santos )

4ª  Fé

DECLARE A TUA ALIANÇA COM DEUS

DECLARE A TUA ALIANÇA COM OS IRMÃOS

RECEBA PELA FÉ O QUE VOCÊ PRECISA DA MESA DO SENHOR HOJE

VII. O deserto é um Lugar de bênção

João, voz que clamava no deserto, anunciou Jesus como àquele que batiza com o Espírito Santo.

Vários textos proféticos mostram uma visão do deserto transformado por Deus num lugar bem frutífero (Is 35.1, 6; 41.18-19; 43.19-21; 51.3).

Especialmente interessantes são os trechos que ligam o novo vigor do deserto com a provisão do Espírito. "A fortaleza será abandonada, a cidade barulhenta ficarádeserta ... até que sobre nós o Espírito seja derramado do alto, e o deserto se transforme em campo fértil, e o campo fértil pareça uma floresta"(Is 32.14-15).

"Pois derramarei água na terra sedenta, e torrentes na terra seca; derramarei meu Espírito sobre sua prole, e minha bênção sobre seus descendentes" (Is 44.3). As maravilhosas bênçãos que estão disponíveis em Cristo vêm por causa do trabalho do Espírito Santo que tem sido derramado sobre o povo de Deus (Ez 39.29).

Infelizmente, há muitos equívocos quando pessoas começam a tratar o assunto do Espírito Santo porque elas deixam de distinguir entre as várias responsabilidades do Espírito Santo e as épocas certas em que faz estas obras.

Considere este paralelo: No primeiro século Jesus andou na terra em corpo humano, morreu na cruz e apareceu a várias pessoas após sua ressurreição.

No século XXI, Jesus não faz nenhuma destas coisas. Mas Jesus ainda existe, opera nas vidas dos seus discípulos, e trabalha hoje.

Pelo mesmo jeito, o Espírito Santo no primeiro século operou na vida de Jesus (Mateus 3:16; 12:18, 28), inspirou a autoria dos livros do Novo Testamento (1 Co 2:13; 14:37), e deu dons especiais para várias pessoas (1 Co 12-14). No século XXI, O Espírito Santo não faz nenhuma destas coisas. Mas o Espírito Santo ainda existe, opera nas vidas dos seus discípulos, e trabalha hoje.

Através de Ezequiel, o Senhor profetizou sobre nossa época dizendo: "Darei a vocês um coração novo e porei um espírito novo em vocês; tirarei de vocês o coração de pedra e lhes darei um coração de carne.
Porei o meu Espírito em vocês e os levarei a agirem segundo os meus decretos e a obedecerem fielmente às minhas leis “(Ez 36.26-27).

Precisamos refletir para verificar que temos o Espírito do Senhor em nós.
Nosso coração é macio e sensível à palavra de Deus, ou nossa receptividade à vontade do Senhor parece pedra fria, dura e petrificada? Andamos nos decretos do Senhor; observamos fielmente as suas leis?

 Até que ponto o Espírito reside em nós? "...No qual todo o edifício é ajustado e cresce para tornar-se um santuário santo no Senhor.
Nele vocês também estão sendo edificados juntos, para se tornarem morada de Deus por seu Espírito" (Ef 2:21-22).

Um cristão cresce para ser cada vez mais santuário do Senhor deixando a palavra do Espírito habitar cada vez mais ricamente no seu coração, dominar cada vez mais fortemente seu andar (Ef 5.18; Cl 3.16), e produzir cada vez mais o fruto apropriado (Gl 5.22-23).

Demonstramos a presença do Espírito em nós?
Quanto estiver se sentindo num deserto, lembre-se que a Presença do Senhor é como um abrigo para você te protegendo do calor e do frio.

Jesus te sacia com água da vida.

Deus faz fluir água da rocha e chover pão e carne do céu! O Senhor te sustenta.

Que Deus nos abençoe e nos guarde em nome de Jesus, amém!
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
Se você tem sido abençoado com estas e outras mensagens, nos ajude a manter o nosso ministério, nos enviando uma oferta de amor, Se as pessoas que nos seguem tomar uma atitude de nos ajudarmos, com certezapodemos fazer muito maisem favor da obra de Deus que é uma tarefas árdua! Você pode ser um dos nossos semeadores.

Basta enviar sua oferta através do:


Banco Itaú - Agência 0289  Conta C/C  76077-9

Visite nossos blogs: http://pastorjoaonunesmachado.blogspot.com.br/

Siga-nos no twitter: somentebíblia.com

@Prjoaonunes

e-mail: prjnunes@gmail.com

A serviço do rei Pr. João Nunes e Jucara Graczcki


Nenhum comentário:

Postar um comentário