quarta-feira, 16 de setembro de 2015

A BÍBLIA É O MAIS VALIOSO PATRIMÔNIO DA HUMANIDADE - II

TEXTO BASE 2 TM 3: 16  

INTRODUÇÃO

TEMA: A BÍBLIA É O MAIS VALIOSO PATRIMÔNIO DA HUMANIDADE - II

2 TM 3: 16 “Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça;”

1. Particularidades da Bíblia

A Bíblia toda (66 livros) teve cerca de 40 escritores, por um período de 16 séculos aproximadamente, os quase não se conheceram; pertenciam a diversas classes, de continentes diferentes, e o que é mais importante, nada sabiam o que havia sido já escrito. 

A perfeita unidade da Bíblia, quando a lemos, inspira-nos a glorificar a Deus porque em meio à alegria e tristeza, o produto final apresenta uma só mensagem e uma só salvação – JESUS.

Inicialmente, os escritos da Bíblia não eram divididos em capítulos e versículos; a dicisão em capítulos só veio a acontecer no ano 1250 aD, pelo Cardeal Hugo de Sancto Caro, monge dominicano, que dele se serviu para a sua concordância com a Vulgata. 

“As aplicações a esta concordância deram-lhe muito valor e estabeleceram a prática de citar os capítulos em vez de referir-se ao livro ou a alguns fatos proeminentes nele contidos”.
Alguns pesquisadores atribuem essa divisão também a Stephen Langton, falecido em 1228. 

No ano 1551, Robert Stephen fez a divisão em versículos, publicando a primeira Bíblia, assim dividida em 1555, a Vulgata.

Em 1525, Jacob Bem Haim, na Bíblia Bomberg, em Veneza, também havia dividido a Bíblia (AT) em versículos.

O Antigo Testamento encerra citando a palavra maldição. 
O Novo Testamento encerra citando graça do Senhor Jesus Cristo.

Há 8. 000 vezes a palavra “Senhor”;

A volta de Jesus é citada 1845 vezes;

O Autor da Bíblia é Deus;

O Intérprete da Bíblia é o Espírito Santo;

O assunto central da Bíblia é Jesus Cristo;

A Bíblia é o livro mais editado do mundo;

A Bíblia é o livro mais lido do mundo;

Não existem duas Bíblias: Ela é uma só.

Existem, aproximadamente, 2.800 línguas e 3. 000 dialetos, mas a Bíblia já foi vertida, em parte, em 1500 línguas e dialetos. 

A Bíblia inteira só está traduzida em cerca de 300 línguas.

A Bíblia foi escrita em um período de 1.500 anos, por uns 40 autores, e contém 66 livros, 1.189 capítulos, 31. 278 versículos e cerca de 3 milhões de letras, assim distribuídos:

ANTIGO TESTAMENTO



39 livros

929 capítulos

23. 328 versículos

Cerca de 31 autores

Escrito em hebraico

Versículo central: 2 Cr 20. 8

Capitulo central: Jó 2

Livro central: Provérbios

Versículo menor: Êx 20.13

Versículo maior: Et 8. 9

Mensagem: Jesus virá

Antigo concerto: Êx 24. 8

NOVO TESTAMENTO

27 livros

260 capítulos

7.950 versículos

Cerda de 9 autores

Escrito em grego

Verso central: At 17.17

Capítulo central: Rm 13

Livro central: 2Ts

Versículo menos: Jo 11. 35

Versículo maior: Ap 20. 6

Mensagem: Jesus já veio

Novo concerto: Hb 9.14,15

O verso de ouro, ou o versículo áureo da Bíblia, encontra-se no Evangelho de João, capítulo 3, versículo 16: 

“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.”

CONCLUSÃO

A Bíblia é uma coleção de escritos inspirados pelo Espírito Santo, cujo autor é o próprio Deus.

Os 66 livros que a integram foram escritos no decorrer de 14 séculos, por homens de diversas categorias sociais, tais como: estadistas e legisladores, como Moisés e Daniel. 

Davi, que exerceu variadas atividades, foi pastor de ovelhas, poeta, músico, soldado e rei; profetas, como Isaías, Jeremias, Zacarias; pescadores, como foram Pedro, Tiago e João; coletor de rendas, no caso de Mateus; médico, como Lucas, autor do livro “Atos dos Apóstolos” e do evangelho que leva seu nome; doutor da lei, como ocorreu com Paulo; agricultores, como no caso dos profetas Habacuque e Elias, e muito mais.
Unidade e Conteúdo
Não obstante a diversidade de épocas, autores, gêneros literários, existe uma surpreendente unidade em seu conteúdo. 

Os seus principais temas são:
1. Dar destaque ao personagem central
Nosso Senhor Jesus Cristo, verdadeiro Deus e verdadeiro Homem, que é mostrado através de tipos, figuras e profecias no Antigo Testamento que se tornaram realidade no Novo Testamento.

2. Expor seu tema básico
O plano de Deus para a redenção do homem e da própria terra, por meio de Seu Filho.

3. Tratar do restabelecimento de suas relações com seu povo
No Antigo Testamento, os israelitas. 

No Novo Testamento, a edificação da sua Igreja tirada dentre as nações e tribos da terra.
No livro dos Salmos, destaca-se o de número dezenove, onde a glória de Deus se revela na vastidão cósmica ou firmamento. 

Sua lei é perfeita, seu testemunho é fiel, os preceitos do Senhor são retos, o mandamento do Senhor é puro, o temor do Senhor é limpo, os juízos do Senhor são verdadeiros e justos.

Quis Ele revelar à criatura humana, de forma inconfundível, a existência de um só Deus: 

Pai; Filho e Espírito Santo; Onipresente, Onipotente e Onisciente, no desenvolvimento progressivo de seu plano divino que o apóstolo Paulo chamou de “Ministério da Piedade”, que consiste no nascimento virginal, vida, morte, ressurreição e o regresso de Seu Filho à Terra.

Na história da humanidade, nunca apareceu um livro influente e empolgante. 

A leitura deste livro influenciaria nações, afetaria até mesmo a política e a economia, influenciaria a ciência, moveria os chefes de estado, nortearia os presidentes, seria o auxílio dos governantes alterando por completo todo o programa da sociedade em geral.

A Bíblia é o mais valioso patrimônio da humanidade, o maior tesouro que se pode guardar na mente e no coração, a maior fonte que pode ser pesquisada, o mais autêntico monumento literário erguido neste mundo, o mais completo arsenal de conhecimento e sabedoria de todos os tempos, a mais rica enciclopédia de toda a história e o mais fulgurante de todos os livros já escritos.

Cremos, portanto, que a Bíblia é o Livro perfeito, o Livro santo, o Livro dos livros, a Palavra de deus de origem e revelação divina e inenarrável. 

Vasculhemos as mais esplêndidas enciclopédias, consultemos os mais famosos escritores, leiamos os mais renomados filósofos da história e concluiremos que nada existe que se possa comparar à Bíblia. 
O que há de mais encantador, é que ela não foi escrita meramente para os acadêmicos e intelectuais, mas dirigida a todas as Classes sócias e civilizações, raças, povos e línguas e nações da Terra. 

Os realmente loucos, são aqueles que a desprezam, porque os verdadeiros sábios a amam. 

Todos os reinos e impérios que se estabeleceram neste mundo, se desintegraram, quer tenha sido por invasões estrangeiras ou por revoluções internas. 

O Império Chinês levou 1. 200 anos para erguer suas muralhas, que eram consideras intransponíveis; entretanto, três vezes foi invadida por terem seus guardas sido subornados; entre outras informações maravilhosas, a Bíblia fala-nos de um reino e de um Rei cujo incremento de seu principado não haverá fim (Is 9.6). 

Seu reino será perfeito e eterno (Is 11). 

Seu Rei é Jesus, que congregará todos os povos quando haverá justiça e paz.

A Bíblia é uma autêntica biblioteca que sumariza, nos seus 66 livros, o passado, o presente e o futuro de toda a humanidade, desde sua origem até a consumação de todas as coisas. 

De modo especial e detalhada, trata do destino do povo Israel e de todas as demais nações.

Um Forte Abraço!! Nos laços do Calvário que nos une...A serviço do Rei, Pr João Nunes Machado

Nenhum comentário:

Postar um comentário