quarta-feira, 12 de abril de 2017

ORAÇÃO - NOTA DE FALECIMENTO - II

TEXTO BASE DT 32: 10 / ZC 2: 8

INTRODUÇÃO 

TEMA: ORAÇÃO - NOTA DE FALECIMENTO - II

Deuteronômio 32: 10 - Achou-o numa terra deserta, e num erma de solidão e horrendos uivos; cercou-o de proteção; cuidou dele, guardando-o como a menina do seu olho.


Zacarias 2: 8 - Pois assim diz o Senhor dos exércitos: Para obter a glória ele me enviou às nações que vos despojaram; porque aquele que tocar em vós toca na menina do seu olho.

Faleceu na Igreja dos Negligentes e Frios na Fé, Dona Reunião de Oração, que já estava enferma desde os primeiros séculos da era cristã. 

Foi proprietária de grandes avivamentos bíblicos e de grande poder e influência no passado. 

Os médicos constataram que a sua doença foi motivada pela "FRIEZA DE CORAÇÃO". 

Devido à falta de circulação do sangue da fé.

Constataram, ainda, que sofria de "DUREZA DE JOELHOS" (não dobravam mais), fraqueza de ânimo e muita falta de boa vontade. 
Foi medicada, mas erradamente, pois lhes deram grandes dose de "ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS", mudando-lhe o regime. o xarope de "REUNIÕES SOCIAIS" sufocou-a. Deram-lhe "INJEÇÕES DE COMPETIÇÕES ESPORTIVAS", o que provocou má circulação nas amizades, trazendo-lhe ainda, os males da carne:

 rivalidade, ciúmes, fofocas. Administraram-lhe muitos comprimidos de "ACAMPAMENTOS" E "CLUBES DE CAMPO". 

Até cápsulas de "GINCANA" lhe deram para tomar!

Resultado: morreu Dona Reunião de Oração!

A autópsia revelou: falta de alimentação com o PÃO DA VIDA carência de ÁGUA VIVA e ausência de VIDA ESPIRITUAL. 

Em sua memória, a Igreja dos Negligentes e Frios na Fé situada na Rua do Mundanismo, nº 666, estará fechada nos cultos da semana e aos domingos, haverá culto só pela manhã, assim mesmo quando não houver feriadão, emendando o lazer de sexta feira até segunda feira.

Agora, uma pergunta: Será que você, que está lendo esta noticia, não ajudou a matar Dona Reunião de Oração?

CONCLUSÃO




QUADRO DA SITUAÇÃO DAS IGREJAS HOJE

Muitas igrejas estão se tornando cada vez mais preocupadas e com muita razão, com a discrepância que existe entre o número do rol de membros e a média dos que participam nos seus trabalhos.

Vejamos, em termos de percentagem, o quadro da situação das igrejas:

20 por cento nunca oram 

25 por cento nunca lêem a Bíblia 

30 por cento nunca vão à Igreja 

40 por cento nunca contribuem para nenhum fim 

50 por cento nunca vão à Escola Bíblica Dominical 

60 por cento nunca vão aos cultos da noite 

70 por cento nunca fazem ofertas para Missões 

80 por cento nunca vão às reuniões de oração 

90 por cento nunca fazem culto doméstico 

95 por cento nunca levam uma alma a Jesus

1. E podemos acrescentar: 99 por cento nunca acompanham o desenvolvimento das pessoas que elas conseguem levar a uma decisão por Cristo.

2. Dos fiéis que participam no programa de atividades das Igrejas, poucos se têm revelado constantes na evangelização de almas e na edificação de vidas cristãs.

3. É lamentável que a maioria dos membros de nossas Igrejas são crentes imaturos espiritualmente. (1Co 3. 3).  

Deus quer que seus filhos todos se façam adultos e amadurecidos. Integração é exatamente o processo de amadurecimento e desenvolvimento espiritual do membro da Igreja.

Um Forte Abraço! Nos laços do Calvário que nos une......A serviço do Rei, PR João Nunes Machado

Nenhum comentário:

Postar um comentário