quinta-feira, 10 de agosto de 2017

TERCEIRO LIVRO, O LIVRO DA CONSCIÊNCIA HUMANA!

TEXTO BASE RM 2: 15 -16

INTRODUÇÃO 

TEMA: TERCEIRO LIVRO, O LIVRO DA CONSCIÊNCIA HUMANA!

15. Os quais mostram a obra da lei escrita em seus corações, testificando juntamente a sua consciência, e os seus pensamentos, quer acusando-os, quer defendendo-os; 

16. No dia em que Deus há de julgar os segredos dos homens, por Jesus Cristo, segundo o meu evangelho.




Mais um mistério de Deus nos é revelado, pois Paulo nos fala que alguns mostrarão a obra da lei escrita em seus corações testificando suas consciências e seus pensamentos, no dia em que se julgará o segredo dos homens. 

Eu vejo aqui aqueles que realmente tiveram suas mentes cauterizadas por este mundo, que somente praticaram o mal, somente fizeram o mal, nunca tendo consciência do que faziam, preferiram dar comidas aos seus animais a alimentarem um andarilho, tiveram uma falsa vida de moralismo, pessoas que deram ouvidos as muitas vezes que o Espírito Santo lhe chamava para virem para o Reino de Deus. 

Estes dirão, eu reconheço que Deus existe, quando se abrir o livro da Redenção, dirão eu não fui homossexual, quando se abrir o livro da natureza, mas serão condenados pelo livro da consciência, mentes cheias do pecado. 

O que dizer dos cristãos, que vivendo dentro das igrejas possuem mentes deturpadas e não conseguem ter consciência do mal em suas vidas. 

Pessoas que se levantam contra seus líderes, pessoa que se omitem em fazer o que lhes foi confiado, deixando seus pastores sozinhos com a mão no arado. 

Por isso o livro da Consciência estará na mesa do justo Juiz. 




Então se abrirá o quarto livro.


CONCLUSÃO

AS QUATRO MAIORES TRAGÉDIAS DA VIDA:

1. Viver neste mundo sem ter abarcado a Cristo

2. Sair deste mundo sem Ter a certeza de salvação

3. Morrer sem ter o nome escrito no Livro da Vida

2. Ter o nome escrito e depois ser ele riscado

Um Forte Abraço! Nos laços do Calvário que nos une......A serviço do Rei, PR João Nunes Machado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário