quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

anor - dom infalivel de deus

AMOR - O DOM INEFÁVEL DE DEUS

"Novo mandamento vos dou: que vos ameis uns ao outros; assim como eu vos amei, que também vos ameis uns aos outros. Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos: se tiverdes amor uns aos outros."João 13: 34-35.

"Amados, amemo-nos uns aos outros, porque o amor procede de Deus; e todo aquele que ama é nascido de Deus e conhece a Deus. Aquele que não ama não conhece a Deus, pois Deus é amor.

Nisto se manifestou o amor de Deus em nós: em haver Deus enviado o seu Filho unigênito ao mundo, para vivermos por meio dele. Nisto consiste o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou e enviou o seu Filho como propriação pelos nossos pecados.

Amados, se Deus de tal maneira nos amou, devemos nós também amar uns aos outros. Ninguém jamais viu



a Deus; se amarmos uns aos outros, Deus permanece em nós, e o seu amor é, em nós, aperfeiçoado.
Nisto conhecemos que permanecemos nele, e ele, em nós: em que nos deu do seu Espírito. E nós temos visto e testemunhamos que o Pai enviou o seu Filho como Salvador do mundo. Aquele que confessar que Jesus é o filho de Deus, Deus permanece nele, e ele, em Deus.

E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós. Deus é amor, e aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus, nele. Nisto é em nós aperfeiçoado o amor, para que, no Dia do Juízo, mantenhamos confiança, pois, segundo ele é, também nós somos neste mundo.

No amor não existe medo; antes, o perfeito amor lança fora o medo.
Ora, o medo produz tormento; logo, aquele que teme não é aperfeiçoado no amor. Nós amamos porque ele nos amou primeiro. Se alguém disser: Amo a Deus, e odiar a seu irmão, é mentiroso; pois aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê.

Ora, temos, da parte dele, este mandamento: que aquele que ama a Deus ame também a seu irmão." I João 4:7-21

Nos dias em que vivemos o homem tornou muito vulgar a sua concepção do amor, transformando-o em algo extremamente interesseiro e egoísta.

O amor que a mídia nos apresenta não mede esforços para atingir o seu fim, é cruel, maldoso e malicioso.

O amor do homem é condicionado a uma recompensa, a uma contrapartida. Hoje em dia a palavra amor está com seu conceito tão deturpado que quando as pessoas fazem sexo elas dizem: "vamos fazer amor", como se o amor fosse um simples fruto de prazer. A palavra amor se confunde com sexo, paixão e coisas completamente carnais e mundanas. Mas não é esse o desejo de Deus para com seus filhos.
A concepção de Deus sobre o amor é muito diferente da do homem.

O amor de Deus não está atrelado a uma contrapartida ou algum interesse.

O amor de Deus não é profano, e sim santo e puro. A Bíblia revela o amor de Deus de maneira certa e incondicional. É como se fosse algo assim: Deus decidiu nos amar e ponto final. A Palavra de Deus coloca na pessoa de Jesus Cristo todo o amor pela humanidade, através de sua morte pela propriação dos pecados do homem.

Cristo, quando esteve em forma humana, viveu de maneira digna, manifestando todo seu amor pelo homem, através de curas, milagres, ensinos e principalmente pela pregação do Evangelho, que são as boas novas de vida eterna e salvação para todo aquele que em Deus crê.

Neste estudo abordaremos este assunto tão esquecido pelos cristãos de hoje, que apesar de não ser valorizado como é por Deus, é um assunto de extrema importância para todo crente que deseja alcançar um verdadeiro discipulado em Cristo Jesus.

O amor não é uma ilusão, como hoje em dia a mídia nos apresenta, o amor é muito mais que um sentimento ou algo nobre que há em nós pelo próximo, o amor é uma atitude, uma decisão, algo relacionado a compromisso e entrega voluntária. É um ato de fé. Por isso, esclareceremos a luz das Santas Escrituras o que é amor, quais as bênçãos de Deus prometidas para aqueles que amam, o que e como Deus quer que nós amemos o próximo e o impacto que o amor pode causar em nosso meio. Também elucidaremos neste estudo como podemos manifestar nosso amor a Deus.


Para conhecer o amor de Deus, primeiramente necessitamos saber como é o amor do homem.
Segundo a Bíblia o amor do homem é frio (Mt 24:12), carnal (Gn 6:1-2), dobre, ou seja, passageiro

 (Os 6:4), deturpado pelos mundados e adúlteros (Pv 7:18) e busca seus interesses (Sl 116:1).
O amor de Deus é muito diferente do amor do homem, veja.

Como é o amor de Deus:

Incondicional: Jo 13:1;

Inseparável: nada pode nos separar dele. Rm8:35-39;

Inexprimível: palavras não podem expressá-lo. Ef3:19;

Extremamente grandioso: Jo3:16;

Cobre a multidão de pecados: I Pe 4:8;

Renova o amor dos cristãos: Sf3:17;

Faz com que o cristão obedeça a Deus através do constrangimento: II Co5:14;

Traz consolo a vida do crente: II Ts2:16;

Disciplinador: nos corrige como um pai ao filho. Hb 12:6;

Repleto de bênçãos: II Tm 4:8;

Manifestação do amor de Deus

O Espírito Santo: Rm 5:5;

Através de sua misericórdia: Ef 2:4-7;

A nossa obediencia traz a manifestação do amor de Deus: I Jo 2:5; Jo14:21.

Provas do amor de Deus

A morte de Jesus Cristo pela humanidade pecadora: Rm 5:8; Jo3:16; I JO 3:16; Jo 15:13-14;

Libertação do jugo deste mundo: Dt 7:8;

Vida no Espírito Santo: Ef 2:4-5.

Características do verdadeiro amor

Não pratica o mal, é santo: Rm13:10;

Edifica uma vida: I Co 8:1b;

Suporta tudo: II Co 2:4; Ef 4:2b;

É o fim da fé - a fé opera por ele: Gl 5:6;

É perfeito, resplandece a glória de Deus: Cl 3:14;

Não tem medo: I Jo4:18;

Se gasta pelo próximo: II Co12:15;

Traz obras: I Jo3:18;

Imparcial: Dt10:19;

É sincero e verdadeiro: Rm 12:9;

Forte como a morte: Ct8:6-7.

Deus, pelo seu grande amor que nos amou espera que nós venhamos a correspondê-lo.

O amor só pode ser correspondido por obras, veja o que Deus espera que você faça para manifestar o seu amor a ele.

Atitudes que Deus espera do que o ama

Permaneça no seu amor: Jo 15:9;

Obediência a Deus: Dt10:12; Jo 14:15;

Guarde o amor: Os 12:6;

Andar no exemplo do amor abnegado (desvinculado) de Cristo: Ef 5:1-2;

Que o cristão siga o amor e ande nele: I Co 14:1; Ef 5:2;

Seja constante no amor: Hb 13:1;

Sirva o próximo por amor: Gl5:13;

Que todas obras sejam feitas com amor: I Co 16:14;

Deteste o mal: Sl97:10;

Rejeitar a Satanás e seus caminhos: Mt 6:24;

Estimule os outros a amar: Hb10:24;

Que manifeste seu amor: Pv 27:5,

Que declare seu amor a ele: Sl 18:1

Perca sua vida por amor de Cristo: Mt 12:24-26; Gl 2:20;

Ordens de Deus sobre o amor

Amar o próximo ardentemente de coração: I Pe 1:22; Jo 15:17;

Amá-lo com tudo que possuímos: Dt 6:5;

Amar os ímpios: Dt 10:19; Mt 5:44.

Deus, como bom galardoador que é não deixará nem um de seus filhos sem a devida correspondência, assim como ao pecador é dada uma punição, ao obediente é dado um galardão.

Veja o que a Bíblia Sagrada promete para aqueles que amam o seu próximo.

Bênçãos prometidas para quem ama

Cristo, através do Espírito Santo, habita ricamente nesta vida: Ef3:17; Jo 14:26; Jo 16:27;

Traz crescimento espiritual em Cristo Jesus: Ef4:15; Ef 6:24;

Permanece ligado a Cristo: I Jo4:16;

Traz a guarda do Senhor sobre nós: Sl 145:20;

Repreensão: Pv 3:12;

Perdão de pecados: Is 38:17;

Traz o amor de Deus sobre nós: Jo 16:27;

Todas as coisas que acontecerem na vida do crente serão usadas para o seu bem: Rm 8:28;

Sua vida é conhecida por Deus: I Co 8:3;

A pessoa que ama está na luz do Senhor: I Jo 2:10;

Todo que ama é filho de Deus: I Jo 4:7;

Libertação: Sl91:14;

Traz capacidade para perdoar o próximo: Pv 10:12;

Bênçãos inefáveis: que não se podem expressar. I Co 2:9.

Fontes do verdadeiro amor

De Deus - o Espírito Santo: Gl5:22; II Tm 1:7; I Ts 3:12; I Jo 4:7;

De um coração puro: I Tm 1:5;

De uma consciência boa: I Tm 1:5;

De uma fé cristã santa e verdadeira: I Tm 1:5;

Da misericórdia de Deus: Tt 3:4-5;

Palavras de Cristo sobre o amor

Ele é o princípio e a base de toda a lei de Deus: Mt 22:37-40; Lc 11:42.

O verdadeiro amor consiste em conhecer o poderoso nome do Senhor: Jo17:26;

Homens religiosos, carnais e que não crêem em Deus não podem ter o seu amor: Jo5:37-47

Findaremos este estudo com alguns textos bíblicos que falam sobre o amor.

"O amor seja sem hipocrisia. Detestai o mal, apegando-vos ao bem.

Amai-vos cordialemtne uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros.

No zelo, não sejais remissos; sede fervorosos de espírito, servindo ao Senhor;" Romanos 12:9-11

"Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o bronze que soa ou como címbalo queretine.

Ainda que eu tenha o dom de profetizar e conheça todos os mistérios e toda a ciência; ainda que eu tenha tamanha fé, a ponto de transportar montes, se não tiver amor, nada serei. E ainda que eu distribua todos os meus bens entre os pobres e ainda que entregue o meu próprio corpo para ser queimado, se não tiver amor, nada disso me aproveitará.

O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

O amor jamais acaba; mas, havendo profecias, desaparecerão; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, passará; porque, em parte, conhecemos e, em parte, profetizamos.

Quando, porém, vier o que é perfeito, então, o que é em parte será aniquilado.
Quando eu era menino, falava como menino; quando cheguei a ser homem, desisti das cousas próprias de menino.

Porque, agora, vemos como em espelho, obscuramente; então, veremos face a face.

Agora, conheço em parte; então, conhecerei como também sou conhecido. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; porém o maior destes é o amor." I Coríntios 13:1-13

Leituras complementares: Pv 15:17; Ct 1:2; Mt 5:43-48; Lc 10: 25-37; Jo 21:15-23; Ap 12:1

A serviço do rei Pr. João Nunes e Juçara Graczcki

Nenhum comentário:

Postar um comentário